Câmara Criminal transfere para Maceió júri de acusado de matar vereador de Anadia

luizferreira

A Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL) deferiu, nesta quarta-feira (15), o pedido de desaforamento formulado por Alessander Ferreira Leal, acusado de envolvimento na morte do vereador de Anadia, Luiz Ferreira de Souza. O réu deverá ser julgado em Maceió, no prazo máximo de 60 dias.

De acordo com o relator do processo, desembargador João Luiz Azevedo Lessa, a transferência do júri de Anadia para a Capital tem como objetivo o comprometimento da imparcialidade do corpo de jurados. “A notoriedade dos envolvidos no delito, aliada a diversas matérias jornalistas, propiciou um juízo de valor na população local e nas cidades vizinhas”, afirmou.

O crime ocorreu em setembro de 2011 e teria como réus Alessander Ferreira e sua esposa, a ex-prefeita de Anadia, Sânia Tereza Palmeira Barros, além de outras duas pessoas. Segundo os autos, a vítima foi assassinada a tiros após sair de uma rádio. Luiz Ferreira de Souza estaria planejando concorrer ao cargo de prefeito.

”A principal finalidade do desaforamento é possibilitar que o réu seja julgado em um local sem interferências, positivas ou negativas, em relação aos jurados”, explicou o desembargador João Luiz Lessa.

Matéria referente ao processo nº 0500131-62.2015.8.02.0000

PM teria sido autor dos disparos contra vereador

Fonte: TJ/AL