Galvão detona linguagem de Tite: “volte a ser um técnico”

Galvão Bueno não gosta do ‘Titês’, a linguagem utilizada por Tite para falar em entrevistas coletivas ou com seus comandados da Seleção Brasileira. Durante a transmissão de República Checa e Brasil, o narrador pediu que Tite voltasse a ser um técnico de futebol.

“Volte a ser um técnico de futebol. O Tite que falava simples, o Tite que falava direto, o Tite que a gente chegou até a aplaudir na primeira entrevista coletiva. Essa coisa de falar nessa pregação estranha, palavras que nem existem. Um pacote de palavras embrulhado que não tem a ver com você”, disse Galvão Bueno, segundo o MSN.

Participando da transmissão, Casagrande também não poupou o desempenho da Seleção no primeiro tempo da partida desta terça-feira, quando a equipe foi para o vestiário perdendo de 1 a 0. Para ele, apesar das mexidas do técnico, não há mudanças significativas entre o futebol apresentando contra o Panamá, no empate em 1 a 1 na última semana.

“Eu não vejo evolução nenhuma do Panamá para o jogo contra a República Checa. Eu não acho que o futebol brasileiro está ultrapassado e nem envelhecido, acho que ele está contaminado. Contaminado por esquemas táticos. O jogador tem que cumprir isso, cumprir aquilo e acaba tirando a criatividade. O jogador brasileiro perdeu a ginga, perdeu a iniciativa de armar, partir para cima porque fica preso em esquemas táticos”, concluiu.

26/03/2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *