MTur e Clia Abremar apoiam medidas que reduz custo de operações dos cruzeiros no Brasil

De acordo com o Ministério, nova lei deve trazer mais navios e gerar novos empregos

Com a regulamentação da Lei de Migração nesta quinta-feira (25/05), as tripulações de cruzeiros não precisarão mais possuir um visto brasileiro para poderem navegar no litoral do país, o que deve gerar uma economia de até R$ 500 mil por navio. Na última temporada, 37 embarcações passaram pela costa nacional.

De acordo com Marco Ferraz, presidente da Clia-Abemar, a medida vai ajudar o país na busca por mais cruzeiros e trará mais opções de escolha para turistas brasileiros e estrangeiros. “Essa era uma demanda antiga. Diminui muito a burocracia. É mais um entrave que, com a ajuda fundamental do Ministério do Turismo, a gente consegue superar para atrair mais cruzeiros marítimos”, comentou.

O ministro do Turismo, Marx Beltrão, também ressaltou que a nova Lei de Migração trará outros benefícios ao país à curto e longo prazo. “Essa lei permitirá a desburocratização do setor, atraindo mais cruzeiros para o nosso país e gerando, consequentemente, mais emprego e renda no Brasil”, afirmou.

Ascom

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *